Revista Bicicleta

Ontem tive a grata surpresa de comprar uma revista de bicicleta realmente interessante. Quem pedala sabe a carência que temos de publicações especializadas. Tirando a Go Outside, que eventualmente publica algo sobre bikes, mas que não é propriamente sobre bikes, e a VO2, que é principalmente sobre ciclismo de estrada, o que encontramos são publicações comprometidas com os anunciantes, de excelente qualidade gráfica mas com artigos com a profundidade de um catálogo de vendas.

Em uma certa publicação sobre Mountain Bike, numa matéria recente sobre “Bikes de entrada” me surpreendi com a avaliação integralmente positiva em TODAS as bikes analisadas. Simplesmente em nenhuma delas havia qualquer ponto negativo. Bikes com peso de mais de 15 kg não tinham o fator peso colocado como, desculpem o trocadilho, um fator de peso na hora da compra. Não havia análise das geometrias. A “bela cor verde” de uma delas (por acaso distribuída por um dos maiores anunciantes da revista)| entrou como fator importante na análise do piloto.

Isso revela o total descompromisso com o leitor – ou o total compromi$$o exclusivo com o anunciante, que em última análise, é quem paga as contas.

A revista procura cobrir todos os aspectos do ciclismo

A Revista Bicicleta, com seu singelo nome e logomarca não muito inspirada, surpreende ao colocar na análise da Specialized Camber, um quadrinho com os pros e contras. A análise de uma bike, ainda que técnica, possui um julgamento subjetivo, e depende de quem a pilota. É justo darmos um desconto, tanto nos pros como nos contras, mas eles podem servir como referência na nossa análise. Preço sugerido e principalmente o peso são itens importantes, e que não tem cabimento de faltar em uma análise honesta.

A análise de bike é feita de forma técnica e honesta.

A revista cobre muitos aspectos do ciclismo: cicloturismo, produtos, mecânica, competições, treinamento, alimentação, artigos médicos relacionados ao ciclismo, um inspirado texto da Luli Cox sobre o Cape Epic e a participação da Flower People, pedal noturno, bike fit, e por aí vai.

A diversidade de artigos é uma constante na revista

9,90 muito bem gastos. Se você gosta de ciclismo e quer se informar, vale a pena comprar.

Esperemos que a Revista Bicicleta permaneça com sua ótima qualidade editorial. Torcemos para que esse projeto – ainda na sua sétima edição – se perpetue e evolua, conquistando seu espaço na cabeça dos ciclistas.

O blog Da Lama ao Caos não possui relação comercial de nenhum tipo com a revista, nem publica posts pagos.

Anúncios

Publicado em 26/06/2011, em Nas Bancas e marcado como , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Comentários desativados em Revista Bicicleta.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: