O Uso do Capacete

Usar capacete ainda é opcional para muitos ciclistas. Embora muitos de nós gostem de andar equipados, com calças, camisas de ciclismo, luvas e tênis ou sapatilha, uma parcela significativa ainda acha o capacete supérfluo, “ridículo” ou acha que “incomoda”.
Muitos desconfiam da sua eficiência porque são feitos de poliestireno expandido (EPS), material similar ao Isopor.

O objetivo de se ter uma estrutura que se desfaça com o impacto é justamente a dissipação da energia gerada pela colisão do capacete com uma superfície rígida, fazendo com que (boa) parte dessa energia não se transmita ao crânio do ciclista.

Preço também não é uma desculpa. Um bom capacete não chega a 200 reais, o que não é muito considerando-se o preço de uma Mountain Bike ou de uma cirurgia cerebral. Mas é possível encontrar bons produtos – apenas de design não tão atraente, por 80,00 ou até menos.

Capacetes importados devem ter o selo da US CPSC (Consumer Product Safety Comission), o que equivaleria a um selo do INMETRO aqui no Brasil.

O fundamental é que o capacete fique bem ajustado na sua cabeça, não ficando apertado nem folgado. As tiras que o prendem devem ficar bem firmes. A maioria dos bons capacetes possuem um botão de girar na nuca que serve para ajustar o capacete na cabeça com perfeição.

Bons capacetes tem muitas entradas e saídas de ar, sem que isso comprometa a sua resistência. Quanto mais, melhor.

Eu particularmente gosto de capacetes com viseiras, porque me protegem do sol. No entanto há quem prefira sem, com o argumento de que a viseira compromete a visibilidade quando se está com a cabeça abaixada, dificultando a visão da trilha.

Capacetes como o Giro Indicator são relativamente baratos e de ótima qualidade.

Giro Indicator

O Bell Influx também é um ótimo capacete (Bell e Giro são feitos pela mesma marca, a Bell).

Bell Influx

Rudy Project são capacetes de alta qualidade, mas bem mais caros.

Rudy Project Kontact+

A Met tem capacetes como o Veleno, mais tradicional, e o Parachute, para quem quer uma proteção extra para o queixo e face.

MET Veleno

MET Parachute

O Specialized S-Works é quase uma obra de arte. Observe como ele é aberto.

SPZ S-Works

Bem, seja lá qual for a sua escolha, pedale sempre de capacete. mesmo que seja para ir na esquina comprar pão.

Se você ainda está na dúvida, veja o depoimento do amigo ciclista Márcio, postado no tópico “Alguém ainda não usa capacete?” no Pedal.com. Nesse tópico do Pedal.com, inclusive, você leitor poderá ver como o assunto ainda é controverso:

Estava descendo uma montanha aqui na minha cidade, não sei a declividade mas é muito alto. Só pra vc ter idéia, pra subir é 22×28 ou 22 x32 o tempo todo. Neste morro é onde tem as pistas de DH, porém não estava em trilha , estava na estradinha que dá acesso ao topo. Estrada de terra com erosão e pedras soltas (1 mês sem chover). Devia estar a uns 30Km/h segurando no freio o tempo todo (impossível descer com bike de XC sem frear).

Creio que foi uma junção de fatores: estava cansado, muito sol, desconcentrado, pneu muito cheio (pois depois iria pedalar de volta uns 15 km de asfalto), terra muito seca com muita pedrinha solta, óculos embaçado de suor. Saí de uma curva e tinha uma pedra saliente não muito alta; soltei os freios pra não passar travado, daí nao pulei legal, o pneu da frente bateu primeiro e derrapou. Cai pra frente , de lado, bati o braço, ombro, cabeça e sai ralando uns 3 metros. Sorte que o impacto na cabeça não foi tão grande.

Caí com braço aberto (tetando apoiar a mão – reflexo natural) e ainda bati a cabeça (fora os ralados…). Tô com o ombro quebrado (a cabeça do úmero em 4 partes). Resultado: 10 dias de bastante dor, cirurgia com placa e 6 parafusos, e uns 3 meses de recuperação. Espero me recuperar logo e não ficar com limitação de movimentos.

Com a cabeça não aconteceu nada. E ainda tem uma galera que acha chato usar capacete.

O estado em que ficou o capacete.

Bike: Giant ATX8, Alivio, vbrakes, aros Extreme, pneu CST, suspa PS E80R e estava clipado.

Bem, é isso!

A seguir posto um vídeo de um crash test para vermos os parâmetros de segurança na fabricação de capacetes para bikes.

Anúncios

Publicado em 08/04/2011, em Reviews. Adicione o link aos favoritos. Comentários desativados em O Uso do Capacete.

Os comentários estão desativados.