A Mata Estrela

A Mata Estrela é a trilha mais bonita que já fiz. Não é longa, nem é difícil – é basicamente um estradão de 15 km (ida e volta) coberto com folhas, agasalhado por uma linda e exuberante floresta tropical. Um dos últimos resquícios da Mata Atlântica do Rio Grande do Norte.

Fica perto de Baía Formosa (vale a pena ir lá também), quase na divisa com a Paraíba.

Porém, a trilha pode ser um pouco traiçoeira para quem não estiver bem preparado. Porque suas subidas e descidas constantes podem minar a resistência dos menos condicionados. A floresta abafa demais, também, e o calor cobra seu preço.

No meio da trilha (pouco mais de 7 km pedalados), a recompensa: uma linda lagoa de águas escuras, cor de Coca-Cola, lhe espera para um banho revigorante. Se você foi precavido e levou um lanchinho, é hora de aproveitar aquele sanduíche com Gatorade (ou porque não uma coca-cola?).

O visual dos cipós, a beleza dos troncos caídos, saguís, aranhas caranguejeiras (calma… são inofensivas!), camaleões e lírios são um convite às fotografias. Vá sem pressa, e aproveite para tirar zilhões de fotos.

Anúncios

Publicado em 08/09/2010, em Trilhas e marcado como , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Comentários desativados em A Mata Estrela.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: